Sexta, 30 de julho de 2021, 12h37

A atuação da Fisioterapia na recuperação e treinamento da judoca medalhista


Luana Ogiwara
Crefito 9

A judoca Mayara Aguiar após se recuperar de uma cirurgia de ligamento cruzado anterior (LCA) do joelho esquerdo em 2020, conquistou o bronze nas Olimpíadas de Tóquio de 2021. A medalha veio após a reabilitação fisioterapêutica. 

O judô tem um alto nível de lesões quando comparado a outros esportes. A alta intensidade dos treinamentos, a preferência dos golpes e o peso dos oponentes são fatores relevantes para o aumento da incidência de lesões, e a Fisioterapia esportiva tem ganhado cada vez mais destaque atuando não só na prevenção, mas na recuperação rápida dos atletas de alta performance.

Conforme o artigo 5º da resolução nº 395/2011 do Conselho Federal de Fisioterapia e Terapia Ocupacional (COFFITO), a atuação do profissional fisioterapeuta esportivo se caracteriza pelo exercício profissional em todos os níveis de atenção a saúde, em todas as fases do desenvolvimento ontogênico, e nos diversos grupos populacionais, e atenção aos que necessitam do enfoque esportivo adaptado, com ações de prevenção, promoção, proteção, educação, intervenção terapêutica e recuperação funcional do atleta amador e profissional.

Em 2021, os fisioterapeutas terão a oportunidade para conquistar mais um titulo: o de especialista profissional. As provas estão previstas para acontecer no dia 21 de Novembro, e irão acontecer de forma remota. Então não perca tempo e titule-se fisioterapeuta esportivo.   


Fonte: Crefito9
Visite o website: https://crefito9.com.br/